Como seria um tradutor perfeito?

No Comments
A+
Vamos fazer uma brincadeira aqui. Apenas um jogo de imaginação para tentar montar como seria o tradutor perfeito, aquele do qual cliente nenhum poderia jamais reclamar. Como ele seria?

  • Cobraria barato
  • Sempre teria disponibilidade
  • Responderia rápido os e-mails, principalmente os de consulta de disponibilidade para trabalho
  • Sempre confirmaria os e-mail recebidos
  • Saberia usar bem um FTP
  • Teria a penúltima versão das principais ferramentas de tradução e saberia usá-las bem
  • Teria disposição para aprender ferramentas novas e as usaria sem problemas, ainda que não fossem a sua favorita
  • Sempre verificaria, assim que recebesse o projeto, se todos os arquivos foram enviados, se estão funcionando, se a memória está abrindo e se ele tem tudo que precisa para iniciar a tradução
  • Verificaria se o número de palavras do projeto é consistente com o número informado pelo gerente
  • Entenderia o que é o WWC
  • Leria com cautela todas as instruções e orientações do cliente e as seguiria sempre
  • Entenderia que por mais absurdo que seja o que o cliente quer, ele continua sendo o cliente e tem os seus motivos
  • Consultaria sempre o material de referência, assim como o arquivo source, para ter certeza de que a tradução está funcionando bem para aquela parte do documento
  • Teria uma ótima qualidade de tradução
  • Sempre usaria o corretor ortográfico
  • Informaria sempre, assim que percebesse, qualquer coisa estranha ou duvidosa
  • Enviaria as dúvidas e comentários com tempo hábil para ter a resposta do cliente antes da data de entrega
  • Teria backup diário dos seus arquivos e redundância de equipamentos e serviços, como de internet
  • Devolveria os arquivos exatamente com o mesmo nome e estrutura dos arquivos originais
  • Nunca criaria um e-mail novo; sempre responderia ao thread original, ainda que mudasse o título do e-mail apenas o suficiente para descrever o assunto, sem retirar informações importantes como números e nomes de projetos e batches
  • Nunca atrasaria uma entrega
  • Nunca entregaria o arquivo no último minuto (pois corre o risco do arquivo corromper e acabar atrasando)
  • Nunca sumiria logo após a entrega, para em caso de arquivo corrompido, pergunta ou similar, poder responder na hora
  • Aceitaria bem o feedbacks dos revisores, sabendo responder com cordialidade, mesmo que eles estivessem completamente errados
  • Teria a cabeça aberta para tentar entender a visão dos revisores
 Nobody is perfect
Claro, o mundo não é perfeito e não temos como reunir tudo isso em uma só pessoa. Mas te garanto que quanto mais próximo você estiver desta lista, mais será procurado pelos clientes.
Categories: Comportamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *